Google+ Followers

Translate

follow in instagram

Instagram

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

O Que a Bíblia Diz? Jesus merece adoração?

Desde o nascimento de Jesus, os homens têm se dividido sobre a questão da divindade dele. Hoje, a grande maioria das pessoas que se dizem ser cristãos adora a Jesus como um ser divino. Outros, como os Testemunhas de Jeová, negam a divindade dele e ensinam que não devemos adorá-lo. O que a Bíblia diz?

Jesus entendeu que a adoração pertence exclusivamente a Deus. Quando tentado pelo diabo, Jesus recusou a ceder, dizendo: "Ao Senhor, teu Deus, adorarás, e só a ele darás culto" (Mateus 4:10).

Criaturas não merecem adoração. Paulo fala de pessoas que "mudaram a verdade de Deus em mentira, adorando e servindo a criatura em lugar do Criador" (Romanos 1:25). Homens bons recusaram adoração dos outros (Atos 10:25-26; 14:11-18). Anjos, também, não podem receber adoração (Apocalipse 22:8-9).

Jesus recebeu adoração. Repetidas vezes, Jesus permitiu que os homens o adorassem (Mateus 15:25; 28:17; João 9:38; etc.). Como podemos explicar esse fato? São três possibilidades que os homens têm sugerido: ì Alguns alegam que Jesus era blasfemo, e aceitou louvor que ele não merecia. Essa foi a conclusão dos judeus que o mataram, mas tudo que o Pai fez para confirmar a palavra de Jesus mostra que eles rejeitaram o Ungido de Deus (Atos 2:32-36). í Outros acreditam que Jesus era louco, e se enganou com ilusões de divindade. Até os próprios parentes de Jesus chegaram a essa conclusão, antes de ver a evidência convincente da veracidade das suas afir-mações (Marcos 3:21,31-35). Mas, pelas poderosas provas que ele deu, seus irmãos se tornaram discípulos (Atos 1:14). î Todos que acreditam na Bíblia como a palavra de Deus entendem que Jesus é divino. Sendo Deus, ele merece adoração.

Podemos tirar todas as dúvidas sobre esse assunto pelo estudo de Hebreus, capítulo 1. Esse capítulo mostra a posição exaltada de Jesus como Herdeiro, Criador, Expressão exata do ser de Deus, Susten-tador da criação, Purificador de pecados, etc. O capítulo afirma que Jesus é o Filho de Deus e é superior aos anjos. Neste contexto, o Pai ordenou que os anjos adorassem o Filho (Hebreus 1:6). Até as mais antigas edições das Escrituras publicadas pelos Testemunhas de Jeová refletem o sentido correto desta ordem: "Mas, ao trazer novamente o seu Primo-gênito à terra habitada, ele diz: ‘E todos os anjos de Deus o adorem.’" (Tradução do Novo Mundo das Escrituras Sagradas, Edição Brasileira, 1967).

Qualquer pessoa que recusa adorar a Jesus desobedece o Pai.

-por Dennis Allan
Reações:

0 comentários:

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Best WordPress Themes